Com estrutura para aulas on-line, Escola Presbiteriana de Alta Floresta consegue manter rotina escolar

As aulas on-line da Escola Presbiteriana seguem a mesma carga horária da presencial


Com estrutura para aulas on-line, Escola Presbiteriana de Alta Floresta consegue manter rotina escolar

A pandemia do novo coronavírus mudou completamente a rotina de professores e alunos do ensino em todo o país. Sem aulas presenciais desde a segunda metade de março, as escolas precisaram se adaptar e oferecer montar conteúdo online para que os alunos possam estudar em casa.

A Escola Presbiteriana de Alta Floresta investiu em equipamentos e capacitou seus profissionais para garantir a continuidade do ensino, mantendo a rotina escolar, apesar da distância.

As aulas on-line da Escola Presbiteriana seguem a mesma carga horária da presencial, por meio de salas de transmissão, os alunos podem assistir aulas ao vivo e interagir com o professor, tirando dúvidas e ampliando o conhecimento.

Diferente do Ensino à Distância (EAD) já utilizado em algumas universidades, as aulas remotas acontecem ao vivo e não apenas gravadas em estúdio e disponibilizadas nos canais da escola.

As estratégias de ensino a distância são importantes para a redução dos efeitos negativos do distanciamento temporário.

O Ambiente Virtual de Aprendizagem funciona como uma “sala de aula” virtual, que traz vídeo aulas, planos de estudo e atividades, além da análise de dados educacionais.

Durante o período, os alunos da Escola Presbiteriana também são submetidos a avaliações e envio de atividades aos professores por meio da plataforma Plurall e Escola da Inteligência.

Provas

Para avaliar os alunos a Escola Presbiteriana implantou formatos para diferenciados. Para os alunos do ensino fundamental 1, de 1ª a 5ª série, os pais retiram um envelope com as provas na escola em formato drive thru, de acordo com os dias de prova de cada disciplina o pai ou responsável libera a prova especifica que é acompanhada on-line pelo professor.

Já para o ensino fundamental 2, as avaliações são feitas diretamente na plataforma Plurall, onde o aluno tem um tempo estipulado para cada avaliação, que tem questões objetivas e dissertativa. Ao final, a própria plataforma já entrega a avaliação corrigida. O professor ainda recebe informações adicionais sobre o tempo que o aluno levou para resolver a questão e outros dados que auxiliam na transparência da aplicação das provas.

Quanto ao ensino médio, as provas também ocorrem pela plataforma e também há as provas externas (simulados), encaminhados pelo Sistema Anglo de Ensino. Neste caso, há também o monitoramento de como os alunos estão a nível estadual e nacional frente a todos os alunos do Sistema Anglo.

Apesar de estar sem perspectivas de volta às aulas presenciais, a Escola Presbiteriana de Alta Floresta está preparada para o retorno das aulas presenciais, quando assim for decidido, respeitando o que é estabelecido pelas autoridades.

Veja fotos em Com estrutura para aulas on-line, Escola Presbiteriana de Alta Floresta consegue manter rotina escolar